SINDIPETRO-PE/PB 33 anos de luta pelo Brasil

O ano de 2022 apresenta a cada brasileiro e brasileira o desafio do esperançar. Depois de 2 anos de pandemia que levou tantos pais, filhos e filhas, irmãos e irmãs, sendo potencializada destrutivamente pela ideologia de morte de um presidente que colaborou com o vírus; a amplitude da campanha vacinal mais a espectativa do resultado eleitoral de outubro em favor da eleição do ex presidente Lula, recheia o significado dessa verbalização por esperançar.

Muito foi desmontado nas estruturas da nação desde o golpe de 2016, direitos trabalhistas, aposentadorias, programas de redistribuição de renda, além do fim de uma postura soberana de nação, em troca do retorno a relés condição de um país periférico e dependente. A negligência com que trataram o Pré-Sal e o desmonte que operaram na estratégia energética do Brasil, calçaram essa política do desmonte em curso e que precisa ser parada.

E mais, compreender o papel sindical que cabe a entidade e sua direção implica em ser o tijolo do muro da resistência em defesa da única empresa brasileira com potencial de tirar o Brasil da periferia econômica do planeta, garantindo ao país a centralidade que lhe cabe. A Petrobrás tal como o futuro presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva diz, “é a chave para o futuro dessa nação”.

O Sindicato dos Trabalhadores na Indústria de Petróleo e Gás Natural de Pernambuco e Paraíba (SINDIPETRO PE/PB), completa 33 anos de existência ciente do contexto político em que se localiza, por isso compreende bem a tarefa que deve cumprir. Lutar pelos interesses locais de todos os petroleiros e petroleiras dos estados de Pernambuco e da Paraíba.

Cá está a entidade que desde 1989 fortalece esse desejo, que foi potencializado nós governos Lula/Dilma e que agora, superando o atraso, será retomado rumo da soberania e transição energética do Brasil.

Viva a luta dos petroleiros do Brasil!
Viva a Petrobrás!
Viva o SINDIPETRO PE/PB!

Ressarcimento de IR no HRA e do abono do PCR

Pagamento das horas extras / Feriado

TV SINDIPETRO PE/PB

Siga-nos no Twitter